Brasília, Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020

Poder e Saúde

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Plenário PLEN -Senador pede criação de comissão para acompanhar vacina contra covid-19

PLEN -Senador pede criação de comissão para acompanhar vacina contra covid-19

E-mail Imprimir PDF

Senador pede criação de comissão para acompanhar vacina contra covid-19.

O Senador Humberto Costa (PT-PE) propôs em sessão remota do Plenário nesta quarta-feira (18) a criação de uma comissão especial para acompanhar o registro das vacinas contra a covid-19 na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). De acordo com o requerimento (RQS 2.551/2020), apresentado pelo senador, a comissão será responsável por fiscalizar todo o processo de aquisição e de distribuição das vacinas para a população brasileira.

— Como nós temos receio da intromissão do presidente da República em órgãos que devem ser independentes, quero pedir à V. Exa. e ao presidente efetivo que coloquem em votação esse meu pedido. E que nós possamos trabalhar para garantir ao povo brasileiro o direito de se vacinar, usando uma vacina eficiente e segura para todos e todas — disse.

Humberto Costa demonstrou ainda preocupação com uma possível segunda onda da doença chegar ao Brasil.

— Começa a se confirmar uma tendência muito grande e aparentemente avassaladora de retomada do número de novos casos e novas mortes por essa doença tão cruel — afirmou.

A senadora Zenaide Maia (Pros-RN), que é médica, reforçou que, enquanto a vacina não chega, é preciso continuar com os cuidados básicos de higiene para evitar a contaminação, e também destacou o aumento de mortes.

— São 166 mil óbitos. E a gente está vendo agora que está crescente, está crescendo o número de óbitos e o número de pessoas contaminadas. E a gente sabe que, enquanto a vacina não chega, tem que ser aquilo mesmo, o uso de máscara, o distanciamento social e a higiene das mãos — disse a senadora.

Redes Sociais

Pelo Twiter, o senador Paulo Paim (PT-RS) ressaltou o aumento de casos de covid-19.

“O mundo todo está em alerta com o aumento do número de casos de covid-19. A OMS [Organização Mundial da Saúde] diz que a situação será dura. A segunda onda vai chegar e, até o momento, não temos vacina. O Brasil não pode negligenciar. Não podemos relaxar. Tivemos uma alta d 59% de casos em relação a duas semanas”.

O senador Fabiano Contarato (Rede-ES) destacou a mesma preocupação com o risco da segunda onda da pandemia chegar.

“Não podemos baixar guarda nos cuidados preventivos contra a covid-19. À falsa sensação de normalidade seguem-se o aumento da contaminação e o risco de segunda onda da pandemia. Máscaras, álcool em gel e distanciamento social! Espírito Santo em alerta!”.

Fonte: Agência Senado